Home // Prémio “Ciência para as Políticas Públicas”: sessões de co-criação
Prémio “Ciência para as Políticas Públicas”: sessões de co-criação
11 Abr 22 —

O PlanAPP dinamizou cinco sessões de co-criação com o objetivo de definir os temas e o processo de candidatura do Prémio “Ciência para as Políticas Públicas”. A partir das ideias geradas vai ser apresentado, até ao próximo dia 15 de maio, o Regulamento do Prémio e o respetivo formulário.

O “Prémio Ciências para as Políticas Públicas” é uma iniciativa do PlanAPP, em parceria com a Fundação para a Ciência e Tecnologia I.P. (FCT), e o Joint Research Centre (JRC) da Comissão Europeia, que visa distinguir estudos científicos com impacto em políticas públicas implementadas nos últimos dez anos. Esta atividade, coordenada pela Unidade Técnica da Rede de Planeamento e Parcerias (UTRPP), pretende promover e valorizar uma cultura de ciência para as políticas públicas, e simultaneamente ajudar a mapear entidades científicas nacionais com competências relevantes para a formulação, monitorização e avaliação de políticas públicas.

Para definir o âmbito e o processo de candidatura e avaliação do Prémio, foram concebidos dois modelos de “co-criação”: um para definir o âmbito do Prémio e as suas categorias; e outro para definir o processo de candidatura. Estas metodologias participativas permitem gerar ideias, refletir em grupo, e recolher contributos gerando resultados produzidos de forma conjunta (“co-criados”). As cinco sessões foram facilitadas por Alice Lourenço e Fronika de Wit da Unidade de Gestão do Conhecimento e Comunicação e decorreram entre março e abril. Quatro sessões foram presenciais, e tiveram lugar no auditório do PlanAPP; a quinta sessão contou com participantes do JRC e, por isso, realizou-se em inglês, em formato online. Estas sessões contaram com a participação de mais de 50 stakeholders, oriundos de entidades científicas, da Administração Pública e das áreas de interface ciência/decisão política e ciência/sociedade.

Estiveram presentes investigadores, comunicadores e gestores de ciência de mais de vinte instituições e associações científicas (incluindo, do Instituto de Ciências Sociais, Instituto Superior de Economia e Gestão, Nova School of Business and Economics, Centre for Ecology, Evolution and Environmental Changes, Fundação Champalimaud), bem como dirigentes da Administração Pública (Gabinete de Estratégia e Estudos do Ministério da Economia; Gabinete de Estratégia e Planeamento do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social; Gabinete de Planeamento, Políticas e Administração Geral do Ministério da Agricultura; Serviços Partilhados do Ministério da Saúde), representantes da FCT e do JRC e técnicos e consultores do PlanAPP.

Loading...